Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Devido à pandemia de Covid-19, SVS altera datas das etapas para 17ª turma do programa

Escrito por erika.morais | | Publicado: Sexta, 03 de Julho de 2020, 15h52 | Última atualização em Sexta, 03 de Julho de 2020, 16h07

Curso Intensivo será entre 9 e 13 de novembro, podendo ser realizado online

O secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo de Medeiros, anunciou em edital nesta sexta-feira (3) a prorrogação das etapas do Processo Seletivo e do início de treinamento da 17ª Turma do Programa de Treinamento em Epidemiologia Aplicada aos Serviços do Sistema Único de Saúde (EpiSUS-Avançado).

A alteração ocorre devido à Emergência de Saúde Pública de Interesse Nacional decorrente da infecção humana pelo novo coronavírus (COVID-19), declarada pela Portaria Ministerial Nº 188, de 3 de fevereiro de 2020, e a necessidade de manutenção das medidas de distanciamento social.

Assim, a entrevista por videoconferência passa a acontecer entre 31 de agosto e 18 de setembro, com o resultado no dia 21 de setembro. Já o Curso Intensivo em Epidemiologia Aplicada, inicialmente previsto para entre 21 e 25 de setembro, agora será entre  9 e 13 de novembro, com resultado em 16 de novembro. O treinamento com os aprovados nessa etapa será realizado a partir de 1º de março de 2021.

O Curso Intensivo em Epidemiologia Aplicada, que é realizado em Brasília, pode ocorrer online, por meio de webconferência ou outro mecanismo similar, caso neste período o cenário epidemiológico do país ainda não seja favorável para a realização de atividades presenciais em grupo.

A duração do treinamento, conduzido pela Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) e com colaboração do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), é de  dois anos presenciais, com exigência de dedicação exclusiva por parte do profissional, com sede de atuação em Brasília. Os selecionados com vaga homologada para o treinamento receberão uma bolsa no valor de R$ 5 mil mensais, por meio do CNPq.

O EpiSUS-Avançado foi implantado em 31 de julho de 2000 e se constitui em uma das principais capacidades para o provimento de respostas rápidas às situações e emergências de saúde pública em qualquer lugar do país, sendo que os profissionais em capacitação podem ser deslocados rapidamente. Compõem força de resposta em situações de surtos, epidemias, desastres, catástrofes e outras ameaças à saúde pública nacional ou internacional, em especial em áreas de fronteiras.

Clique aqui e acesse o Edital completo de alteração nº2/2020

registrado em:
SARAMPO - saiba como se prevenir
Fim do conteúdo da página